Burro que serviu de inspiração para 'Shrek' está doente e precisa da ajuda de fãs - Barron Park Donkeys e DreamWorks


O burro Perry, que serviu de modelo para o melhor amigo de Shrek na animação de sucesso da Dreamworks, enfrenta problemas de saúde, devido ao avanço de sua idade. Ele vive em Palo Alto, na Califórnia, em uma fazenda para burros no parque Barron, a Park Barron Donkeys. A organização pede doações para custear as despesas de Perry, Buddy e April, que atualmente residem no local.


Entre os tratamentos de Perry para a artrite, a síndrome de Cushing equina, doença endócrina que causa distúrbios hormonais, e os custos de vida dos animais, a organização gasta cerca de 40 mil dólares anuais, segundo a cuidadora Jenny Kiratli disse para o Washington Post. Os burros em miniatura, espécie de April, Buddy e Perry, vivem uma média de 30 a 35 anos.

75 dólares

Perry, de 30 anos, modelou para o amado personagem Burro, de Shrek, em 1999, quando a equipe da Pacific Data Images visitou o pasto para tirar fotos e compreender como a espécie é e como os animais se movem. Segundo o site da organização, "eles doaram apenas 75 dólares para o pasto, e Perry não foi mencionado nos créditos".

A Câmara Municipal de Palo Alto aprovou, no mês de maio, a proposta de ajudar os burros, combinando as doações comunitárias de até 10 mil dólares, desde que sejam arrecadadas até o prazo proposto, em 23 de junho. Atualmente, a Park Barron Donkeys possui, com a ajuda de moradores e fãs que doaram, cerca de 5 mil dólares.

"As crianças da vizinhança adoram ver os burros no pasto e estão ansiosas para vê-los em nossos eventos comunitários", disse Gwen Luce, uma das vizinhas do local, também para o Washington Post. A comunidade de Palo Alto possui a tradição de acariciar e cuidar dos animais desde 1934, quando a família Bol, vinda da Holanda, trouxe uma pequena manada para a cidade.

Sobre o carinho de Palo Alto e do parque Barron com Perry, April e Buddy, a cuidadora Kiratli completa que os animais "trazem muita alegria às pessoas". Há algo em olhar nos olhos de um burro que é realmente terapêutico", finaliza.
 

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

COMENTÁRIOS

Comente

NOTÍCIAS EM DESTAQUE

Newsletter